Listen to the text.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Museus: Lisboa acolhe 1.500 profissionais de 100 países

Curso de capacitação prepara equipes para museus

Roseli Biage e Leonardo Cássio responsáveis pelo modulo 1 – elaboração de projetos

Antde 2ZoomProx

Termina hoje o primeiro módulo do curso de capacitação para museus, desenvolvido pelo Sistema Estadual de Museus, em Marília. A professora de gestão cultural Roseli Biage falou ao Diário da meta desta nova etapa. Os organizadores visam resultados, no final dos cinco módulos dez projetos devem estar formatados - cinco em Marília e cinco em São José dos Campos. Já passaram por esta fase as cidades de Brodowski e Sorocaba, todas sede de regiões administrativas.
As aulas acontecem no Auditório Municipal “Prof. Octávio Lignelli”, numa ação em parceria com a Prefeitura de Marília. Com o objetivo de qualificar equipes do interior para o trabalho em instituições museológicas, o curso é estruturado em cinco módulos, que serão executados nos meses de setembro, outubro e novembro de 2011, uma semana por mês. “Com a ação de capacitação profissional da Secretaria, pretendemos dar aos museus paulistas uma maior autonomia de trabalho, promovendo o fortalecimento e valorização institucional”, afirma o Secretário de Estado da Cultura, Andrea Matarazzo.
Os módulos são compostos pelos seguintes temas: Formatação de Projetos, Economia da Cultura e Leis de Incentivo; Curadoria; Expografia; Produção e Montagem de Exposições. Esse primeiro módulo aborda o panorama das políticas públicas de cultura no Brasil e a elaboração de projetos para museus, com a professora Roseli Biage e Leonardo Cássio, especialista em projetos culturais e mídias sociais.
Roseli Biage falou em intercâmbio entre territórios, visibilidades dos museus e até as efemérides no país. Ela fala ainda da preparação de profissionais fornecedores, formar corpo técnico e avaliar as necessidades locais. A professora lembrou que hoje pouco se discute da cadeia produtiva de ideias.




O mapeamento cultural e o resgate da memória oral são outros planos. Além dos módulos existem duas tutorias online, uma em Marília e outra em São José dos Campos. No mês de novembro, Roseli e Leonardo Cássio retornam para avaliar os projetos.
A professora cita ainda carências efetivas como espaço para reserva técnica e documentação e sugere que em Marília pode haver um trabalho de inovação em parceria com a Unesp, aliado à pesquisa científica, não tão explorada atualmente.



fonte:

http://www.diariodemarilia.com.br/Noticias/102909/Curso-de-capacitao-prepara-equipes-para-museus