segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Seminário "Pequenos Museus Etnográficos"

O Museu Amazônico (Ufam) e o Instituto Brasil Plural (INCT)   promovem o Seminário “Pequenos Museus Etnográficos”, com a presença do professor Vincenzo Padiglione (Sapienza Università di Roma), que falará sobre “Um museu comunitário interpretativo: um olhar antropológico” e do sr. Nino Fernandes (Museu Magüta) – “A experiência de um museu indígena”.

museu_amazonico_291x218 
O evento será mediado pela diretora do Museu Amazônico, professora Maria Helena Ortolan, e conta com a participação do professor Sérgio Ivan Gil Braga, Superintendente do IPHAN; Nazarene Maia, Diretora de Museus da SEC;  Deise Lucy Oliveira Montardo (PPGAS/Ufam);  Cristian Pio Ávila, Seção de Patrimônio Imaterial da SEC; Rila Arruda, pesquisadora de políticas culturais e museus e a  Museóloga  Regina Lúcia de Souza Vasconcellos, do departamento de Biblioteconomia/Ufam.
O  Instituto Brasil Plural (INCT) tem como uma das suas metas, promover a integração entre os Museus de Antropologia das Universidades e os pequenos museus etnográficos comunitários.
O seminário ocorre no dia 2 de dezembro, às 14h, no  auditório Palacete Provincial (Praça Heliodoro Balbi - centro),

Sobre os palestrantes

Vicenzo Padiglione é  professor associado da  Sapienza Università di Roma. Leciona antropologia cultural, museologia e etnografia da comunicação. É diretor da Revista “Antropologia Museale”. Concebeu e realizou o Etnomuseo Monti Lepini di Roccagorga, e o “Museo del Brigantaggio di Iri  e di Cellere”. Entre as inúmeras pesquisas e publicações destacamos as  que refletem sobre os temas da memória, da museologia e da violência, como “Storie contese e ragioni culturali”.

Nino Fernandes é coordenador do Museu Magüta, o primeiro museu indígena do Brasil, com acervo Tikuna, localizado na cidade de Benjamin Constant , AM.

fonte:
http://www.portal.ufam.edu.br/index.php/todos-os-eventos/2784-seminario-qpequenos-museus-etnograficosq