Listen to the text.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Museu de Arte Mágica

O Museu de Arte Mágica, do Ilusionismo e da Prestidigitação reúne um acervo com 100 pósteres coloridos, 500 aparelhos de mágica e 500 fitas de vídeo que contam a história da mágica através dos últimos anos. É possível acompanhar a trajetória do mundo da mágica desde 1898. No local, o mágico fundador do museu, Mister Basart, interage com os visitantes demonstrando os mais diversos tipos de mágica, brincadeiras e efeitos de ilusão.

Você encontra tudo sobre a arte mágica no Brasil e no mundo, novidades e atrações de todo o universo da arte do ilusionismo além de cursos e outros eventos realizados pelo Museu da mágica.
Endereço: R. Silva Bueno, 519, cj. 42, Ipiranga - São Paulo-SP
Fonte: (11) 2068-7000 begin_of_the_skype_highlighting            (11) 2068-7000      end_of_the_skype_highlighting.
Dia e horário: Seg. a dom.: 9h às 19h.

A Universidade Salvador (UNIFACS) abre seleção para a admissão de Professores para integrarem o corpo permanente

Job Description

A Universidade Salvador (UNIFACS) abre seleção para a admissão de Professores para integrarem o corpo permanente dos seus programas de mestrado e doutorado em tempo integral.

Desired Skills & Experience

Pré requisitos: Possuir título de Doutor com formação correspondente às linhas de pesquisa dos programas e produção científica significativa nos últimos três anos.
 
Informações sobre os programas podem ser obtidas nas suas respectivas páginas.
Mestrado em energia: http://www.energia.unifacs.br
Mestrado e Doutorado em Sistemas e Computação: http://www.ppgcomp.unifacs.br
Mestrado em Administração: http://www.mestradoadm.unifacs.br
Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional e Urbano: http://www.ppdru.unifacs.br

Posted:
December 16, 2011
Type:
Full-time
Experience:
Mid-Senior level
Functions:
Education 
Industries:
Education Management 
Job ID:
2301983
Inscrições pelo LInked IN apenas http://www.linkedin.com/jobs?viewJob=&jobId=2301983&trk=fjr_results&goback=.job

I Encontro Paulista dos Pesquisadores da Cultura

I Encontro Paulista dos Pesquisadores da Cultura


Pesquisadores de São Paulo que se dedicam à área da cultura chamam
encontro para debater e organizar o campo da pesquisa no estado. O
encontro acontece entre os dias 9 e 10 de fevereiro de 2012 no campus da
Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (USP Leste). O encontro
recebe inscrições até o dia 18 de janeiro.

O I Encontro Paulista dos Pesquisadores da Cultura busca reunir nos
próximos dias 9 e 10 de fevereiro pesquisadores das diversas áreas do
conhecimento do estado de São Paulo que têm por objeto a cultura. O
objetivo do encontro é fomentar a troca e o encontro interdisciplinares
evidenciando convergências e oportunidades de colaboração –
pesquisadores que se dedicam a temas semelhantes em diferentes
instituições e pesquisadores de áreas disciplinares distintas que têm o
mesmo objeto. O encontro parte da necessidade dos pesquisadores de
encontrar interlocução organizada e espaços de interação e troca.

/A quem se dirige o chamado?/

Como se trata de um primeiro encontro, buscando a prospecção da área,
está aberto a todos os que fazem pesquisa, nas universidades, no governo
e na sociedade civil e que consideram que atuam no universo da cultura.

/Como será organizado o encontro?/

O encontro será composto de mesas onde os participantes apresentarão
resumo das suas pesquisas, além de alguns painéis sobre a avaliação e o
financiamento da pesquisa em cultura.

/Como faço a inscrição?/

A inscrição é gratuita, bastando enviar os seguintes dados para o email
<encontro@pesquisaemcultura.org>:

* Nome

* Instituição a qual está vinculado

* Cargo/ Função/ Nível

* Endereço para correspondência

* Telefone

* Página Internet

* Email para contato

* Título da pesquisa

* Resumo de até 200 palavras

* Palavras-chave da pesquisa

/Como fico sabendo da programação completa?/

A programação completa será divulgada no site: www.pesquisaemcultura.org
no final de janeiro.

/Como chego até a EACH (USP Leste)?/

O acesso à USP Leste é muito fácil. De carro, siga na Rodovia Ayrton Senna
e pegue a última saída antes do aeroporto de Cumbica. A saída é sinalizada
e o prédio da EACH é visível da rodovia. De transporte público o acesso
também é simples. Siga até a estação Brás ou Tatuapé do metrô e faça a
conexão com a CPTM. Pegue a linha F (sentido Calmon Vianna) e desça na
estação USP Leste que já está integrada no campus (20 minutos vindo do
Tatuapé).



www.pesquisaemcultura.org
Prezad@s,
Realizaremos entre 09 e 10 de fevereiro no campus da EACH-USP o I Encontro
Paulista dos Pesquisadores da Cultura:
Pedimos gentilmente que divulguem em suas redes de contato e núcleos de pesquisa, secretarias de governo, coletivos culturais e sociedade civil.

Att.,

Ana Paula do Val
Comitê Organizador do Encontro

Prêmio Unesco Kalinga de Popularização, vai para... - para o projeto Museu Itinerante

Unesco comemora 60 anos de prêmio sobre Popularização da Ciência


A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) está marcando os 60 anos do Prêmio Unesco Kalinga de Popularização da Ciência. Um simpósio internacional está ocorrendo nestas quarta e quinta-feiras na cidade de Bhubaneswar, na Índia. O objetivo é discutir os atuais desafios e avanços na popularização da ciência.
Segundo a Unesco, a popularização da ciência inclui todas as atividades que comunicam os métodos e conhecimentos científicos para o público, fora do ambiente formal da sala de aula. Ela engloba museus, shows e feiras, e trabalhos que promovam a compreensão pública da história da ciência.
Histórico do prêmio
Concebido em 1951 por Mr Biju Patnaik, criador da Fundação Kalinga Trust, o Prêmio Unesco Kalinga de Popularização da Ciência continua relevante. Segundo a Unesco, diante de sociedades que correm contra o tempo para solucionar problemas como a erradicação da pobreza ou o impacto da mudança climática, a ciência pode ser uma ferramenta vital para encontrar saídas equitativas e sustentáveis.
Até o momento, 65 pessoas receberam o prêmio, entre eles seis ganhadores do Nobel. O britânico Bertrand Russel, Nobel da Paz de Literatura em 1950, foi agraciado com o Kalinga sete anos depois do Nobel.
Desde o início da premiação, a distinção já foi concedida a cinco cientistas brasileiros. O último a ser agraciado, em 2005, foi o professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Jeter Jorge Bertoletti. Ele ganhou o Kalinga por lançar o projeto Museu Itinerante, em 2001, levando exibições, experimentos e conferências a comunidades do estado.

fonte: