Listen to the text.

sábado, 25 de maio de 2013

Casa onde Johan Cruyff cresceu pode virar museu


A casa em Amsterdã onde cresceu o legendário craque holandês Johan Cruyff poderá ser convertida em um museu. O imóvel está à venda e um grupo de investidores está interessado em comprá-la.
Segundo o diário holandês "Parool", este grupo pretende converter o imóvel em um museu com as lembranças do craque que defendeu Ajax, Barcelona, Feyenoord e seleção holandesa.
A ex-casa da família Cruyff está localizada a poucos metros do Estádio De Meer, onde o Ajax mandou os seus jogos até 1996. Foi lá que, em 1964, Johan Cruyff fez sua estreia profissional com a histórica camisa 14.

fonte:

Museu abre mostra em homenagem a São João



São João del-Rei completará 300 anos no dia 8 de dezembro. Com essa marca especial em 2013, a cidade já recebeu inúmeras demonstrações de carinho da população, mas sempre há espaço para mais. Principalmente com memória e cultura. Nesse sentido, quem quiser prestigiar e conhecer um pouco mais dessa trajetória local deve visitar o Museu Regional na cidade, que está com a exposição São João del-Rei: 300 anos de Ouro e Glórias em cartaz.
Museu fica localizado no Centro e conta com exposição em homenagem aos três séculos de São João até dezembro - Foto: Kiko Neto / Divulgação
Museu fica localizado no Centro e conta com exposição em homenagem aos três séculos de São João até dezembro – Foto: Kiko Neto / Divulgação
A mostra contará com peças setecentistas e oitocentistas do acervo do espaço, com o intuito de destacar facetas históricas da cidade, como a mineração, a Guerra dos Emboabas, a imigração italiana e a Inconfidência Mineira, além de homenagear algumas personalidades são-joanenses. E não adianta dizer que a correria do dia a dia impede a visita: a exposição ficará ativa no museu até o final do ano.
De acordo com o museólogo Ryanddre Sampaio, a mostra tem como objetivo aproximar a população são-joanense do passado do próprio município. “Essa homenagem foi criada para as pessoas relembrarem a história de São João del-Rei e para apresentar tudo isso para quem ainda não teve o privilégio de conhecer o que a cidade já passou”.
Enquanto isso o Museu Regional também vai criando a sua própria biografia. “O ano de 2013 é muito especial. Além de São João del-Rei celebrar esse aniversário tão marcante, o Museu completará 50 anos de existência. Por isso essa exposição contará também um pouco sobre a casa em que todo o acervo está guardado, mas com o foco na nossa cidade”, disse Sampaio.
Laços
Outro objetivo do São João del-Rei: 300 anos de Ouro e Glórias é a busca pelo fortalecimento da relação entre o Museu Regional e a cidade. “Estamos tentando estreitar cada vez mais esse laço e espero que todos venham participar dessa homenagem tão bonita. Devemos valorizar mais o nosso patrimônio, que é muito bacana e é de todos nós”, afirmou o museólogo.
A exposição, que faz parte da programação da 11ª Semana Nacional de Museus com o tema Museus (memória + criatividade) = Mudança Social, está aberta à população, diariamente, de 9h às 18h. O Museu Regional de São João del-Rei fica na Rua Marechal Deodoro, nº 12, no Centro, às margens do Córrego do Lenheiro.

fonte:

Ossada de 'monstro' pré-histórico é achada em gaveta de museu


Nova espécie de plesiossauro, um réptil marinho de mais de 100 milhões de anos, estava engavetada há um século sem ser estudado


Cientistas alemães divulgaram a descoberta de uma nova espécie de plesiossauro, animal pré-histórico da época dos dinossauros, cujo esqueleto estava há cem anos engavetado sem classificação.
O Museu de História de Natural de Berlim anunciou na última semana a descoberta da espécie de réptil marinho Gronausaurus wegneri , que habitava águas costeiras e deltas de rios há cerca de 137 milhões de anos, no período do Cretáceo Inferior.
Em entrevista à BBC Brasil, o paleontólogo Oliver Hampe, responsável pela descoberta, explicou não ser comum encontrar depósitos do Cretáceo Inferior pelo mundo, na comparação com o período Jurássico ou do Cretáceo Superior.
"Por isso, (a descoberta) faz aprendermos mais sobre a evolução no período, principalmente do grupo dos Plesiossauros." 

O "monstro" pré-histórico, como é chamado pelo museu, media entre 3 a 3,5 metros de comprimento, pequeno em relação a outros plesiossauros - que podiam chegar a ter até cerca de 20 metros de comprimento - e aos vizinhos mais famosos do período, os dinossauros - que por serem terrestres, pertencem a grupos diferentes.
Bom nadador, o Gronausaurus wegneri não possuíam braços ou pernas, sendo semelhantes ao 'primo'' Leptocleidus capensis , também da família de répteis aquáticos Leptocleididae.
BBC
Ossos do Gronausaurus: Réptil de 3 a 3,5 metros era considerado pequeno
Fósseis em gavetas Os ossos do plesiossauro foram encontrados em escavações na região da Renânia do Norte-Vestfália, na fronteira entre a Alemanha e os Países Baixos, em 1912, junto a outros fósseis. Entre eles, estava o Brancasaurus brancai , descoberto pelo paleontólogo Theodor Wegner, em 1914, que também registrou nos seus escritos a existência de um segundo esqueleto não-classificado.
Guardado pelo Museu Geológico da Universidade de Münster, o fóssil doGronausaurus wegneri só caiu nas mãos de Hampe no começo dos anos 2000, quando foi transferido para o Museu de História Natural de Berlim para pesquisa.
Paleontólogo Oliver Hampe diz que achado ajuda a descobrir mais sobre o período Cretáceo
"Entre o trabalho com esse material e outros projetos paralelos, foram cerca de dez anos para confirmar que era realmente uma nova espécie'', contou.
O fato de o esqueleto pré-histórico ficar engavetado por um século não é um acontecimento isolado e é possível que outras descobertas do tipo ainda sejam feitas.
"Isso é comum, na verdade. Quando o cientista vai a campo, ele geralmente encontra mais material do que é capaz de trabalhar e cuida primeiro daquele encontrado diretamente. O restante é armazenado para avaliação futura e pode ser esquecido", segundo Hampe.
O esqueleto do Gronausaurus wegneri pertence ao Museu Geológico da Universidade de Münster e ainda não há previsão para ser exibido ao público.

fonte: