Listen to the text.

sábado, 11 de janeiro de 2014

Abertas inscrições para a 12ª Semana Nacional de Museus

Seguem abertas na página do Ibram as inscrições para museus e centros culturais interessados em participar da 12ª Semana Nacional de Museus. A temporada de eventos, que celebra o Dia Internacional dos Museus (18 de maio) acontecerá de 12 a 18 de maio de 2014 com o tema "Museus: as coleções criam conexões".As inscrições podem ser feitas aqui.




Museu

A Semana Nacional de Museus acontece anualmente para comemorar o Dia Internacional de Museus, 18 de maio, quando museus brasileiros, convidados pelo Ibram, desenvolvem uma programação especial em prol dessa data. Ação que mais comemora essa data no mundo, a Semana de Museus é responsável pelo aumento de até 130% do público nos museus do país durante sua realização*.

Museus e outras entidades culturais interessados em participar da 12ª edição da Semana devem inscrever eventos e promover sua realização entre os dias 12 e 18 de maio de 2014, chamando, assim, a comunidade a refletir, discutir e trocar experiências sobre o tema sugerido pelo Icom (Conselho Internacional de Museus): Museus: as coleções criam conexões. A realização das atividades fica sob a responsabilidade da própria instituição que as inscrever, bem como a viabilização para seu desenvolvimento. Ao Ibram cabe divulgar a programação nacional da Semana de Museus e produzir e distribuir o Guia da Programação.

Para saber mais sobre o tema, clique aqui.

Como se inscrever

A inscrição deve ser feita exclusivamente por meio de preenchimento do formulário eletrônico ao lado. Primeiramente, deve-se fazer a inscrição do museu ou entidade cultural. Depois, é necessário inscrever as ações a serem realizadas, como seminários, exposições, oficinas, espetáculos, mesas-redondas, visitas guiadas, exibições de filmes, entre outras. Mesmo que o museu tenha participado de outras edições da Semana de Museus, é necessário realizar uma nova inscrição. A efetiva participação do museu dá-se apenas com a inscrição de uma ou mais atividades.

Cronograma

Período de inscrição: 29 de novembro de 2013 a 07 de fevereiro de 2014
Realização da 12ª Semana Nacional de Museus: 12 a 18 de maio de 2014

O tema da 12ª edição da Semana Nacional de Museus segue o mote do Dia Internacional dos Museus definido pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM). O tema sugerido para 2014 lembra que os museus são instituições vivas que ajudam a criar vínculos entre visitantes, gerações e culturas ao redor do mundo.

Criado em 1977 pelo ICOM, o Dia Internacional de Museus tem como objetivo sensibilizar sobre o papel dos museus no desenvolvimento da sociedade. O Brasil é considerado um dos países que mais celebram a data. A última edição da Semana Nacional de Museus envolveu mais de 1.200 museus e contou com 3.910 eventos em 535 municípios brasileiros.

Fonte: Ascom, Ibram/MinC

MUSEU DO ORIENTE CELEBRA ANO NOVO CHINÊS

LISBOA – O Museu do Oriente comemora, de 30 de janeiro a 2 de fevereiro, o Ano Novo Chinês – sob o signo do Cavalo – com uma série de iniciativas para toda a família dedicadas a várias vertentes do país: gastronomia, desporto, religião e cultura.

Tai Chi (2)

No dia 30 de janeiro, das 19h00 às 21h30, tem lugar um workshop de gastronomia chinesa para adultos. Com uma estimativa de mais de 5000 pratos típicos locais e cerca de 20 cozinhas regionais diferentes, esta gastronomia, considerada uma das mais ricas do mundo, brota de um fundo cultural com mais de quatro milénios. Necessária marcação até 23 de janeiro.
A história do Ano Novo Chinês é contada aos mais pequenos nos dias 31 de janeiro ou 1 de fevereiro, das 19h30 às 20h30 (1ª sessão) ou das 15h00 às 16h00 (2ª sessão), respetivamente. Na China esta celebração é caracterizada pela união familiar e pelo agradecimento aos antepassados e aos deuses pela sua bênção e proteção. Necessária marcação até 23 de janeiro (1ª sessão) e 24 de janeiro (2ª sessão).
A 1 ou 2 de fevereiro, das 10h00 às 11h00, todos são convidados a dar as boas-vindas ao Novo Ano Chinês com o equilíbrio e harmonia necessários ao começo de um novo ciclo, através de uma prática corporal e meditativa oriunda da tradição clássica chinesa: uma aula aberta de tai chi. Necessária marcação até 24 de janeiro (1ª sessão e 2ª sessão).

Para os chineses, 2014 é o Ano do Cavalo. Que histórias, lendas e superstições estão associadas a este animal? Que traços de personalidade vão herdar os nascidos neste ano? A história do Cavalo na China é revelada no dia 1 de fevereiro, das 15h00 às 17h00, onde os mais pequenos são desafiados a contar a lenda através de marionetas. Necessária marcação até 24 de janeiro.
Finalmente, no dia 2 de fevereiro, das 15h00 às 16h30, é dada a conhecer Guaniyn, a deusa dos mil braços, a mais venerada em toda a China pela sua bondade e inúmeros milagres. O desafio proposto às crianças é, com imaginação, criatividade e o auxílio de exercícios de expressão dramática e corporal, representar esta deusa. Necessária marcação até 24 de janeiro.
WORKSHOP DE GASTRONOMIA CHINESA
Data: 30 janeiro
Horário: 19.00 às 21.30
Público-alvo: Adultos
Em colaboração com o restaurante Wók Oriental
Preço: €38.00/participante
Duração: 2h30
Mín.10, Máx.15
A HISTÓRIA DO ANO NOVO CHINÊS
OFICINA PARA TODOS
Data: 31 janeiro ou 1 fevereiro
Horário: 19.30 às 20.30 (1ª sessão) e 15.00 às 16.00 (2ª sessão)
Público-alvo: Adultos e crianças (a partir dos 6 anos)
Preço: €3.00/participante
Duração: 60’
Mín.16, Máx.22
TAI CHI – AULA ABERTA
OFICINA PARA TODOS
Data: 1 ou 2 fevereiro
Horário: 10.00 às 11.00
Público-alvo: Adultos e crianças (a partir dos 6 anos)
Preço: €1.00/participante
Duração: 60’
Mín.5, Máx. 40
O CAVALO NA CHINA
SÁBADOS EM OFICINA
Data: 1 fevereiro
Horário: 15.00 às 17.00
Público-alvo: 6-12 anos
Preço: €5.00/participante
Duração: 60’
Mín.10, Máx. 25
GUANYIN – A DEUSA DOS MIL BRAÇOS
DOMINGOS EM FAMÍLIA
Data: 2 fevereiro
Horário: 15.00 às 16.30
Público-alvo: Famílias (crianças a partir dos 4 anos)
Preço: €3.50/participante
Duração: 90’
Mín.15, Máx. 25

fonte:
http://local.pt/portugal/lisboa/museu-do-oriente-celebra-ano-novo-chines/

Museu Marinho de Bombinhas abriga cerca de três mil espécies

Local também possui aquário com animais da região do Litoral Norte. Há no local também fósseis de animais como tubarões e ossos de baleia.


Conchas estão em exposição (Foto: Museu e Aquário de Bombinhas/Divulgação)Conchas estão em exposição (Foto: Museu e Aquário de Bombinhas/Divulgação)
Museu e Aquário Marinho de Bombinhas, criado em 1999, abriga cerca de três mil espécies de invertebrados marinhos, como corais, estrelas do mar, caranguejos, ouriços, esponjas e lagostas. Além disso, há espécies típicas da região que estão em aquários.
Passeio no museu dura cerca de 1 hora
(Foto: Museu e Aquário de Bombinhas/Divulgação)

"Nos tanques temos cavalos-marinhos e estrelas-do-mar aqui da região. E neste verão teremos um tanque de contato, onde vamos incentivar os visitantes a tocar alguns dos animais", explica Luis Eduardo Martins da Silva, proprietário do museu.

Segundo ele, há no local também fósseis de animais como tubarões e ossos de baleia. Além disso, há exposição de artefatos da pesca da época da colonização e peças de naufrágios da região. "Fazemos um trabalho de educação ambiental durante o ano. E também o mergulho contemplativo, para que os visitantes conheçam as espécies em seu habitat natural", conta Luis.

Os mergulhos contemplativos precisam ser agendados previamente e são realizados sempre pela manhã. O tempo de visita no museu varia de acordo com a curiosidade e o interesse nas espécies marinhas, mas em média, dura cerca de uma hora.
Serviço:
Museu e Aquário Marinho de Porto Belo
Rua Leopardo, 800 – José Amândio
(47) 9974-7791 e (47) 3369-1681
Horário: das 10h às 20h
Visite o site.

fonte:
http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/nossa-terra/2013/noticia/2014/01/museu-marinho-de-bombinhas-abriga-cerca-de-tres-mil-especies.html