Google+ Followers

sexta-feira, 12 de junho de 2015

A Rede Europeia de Centros e Museus de Ciência decidiu reconhecer desta forma o papel do cientista português recentemente falecido na área da cultura científica europeia e mundial.

Organização europeia de centros de ciência cria prémios Mariano Gago

Mariano Gago (1948-2015) PEDRO CUNHA

O primeiro Prémio Mariano Gago vai ser atribuído esta quinta-feira à noite durante o congresso anual da Ecsite - Rede Europeia de Centros e Museus de Ciência, a decorrer esta semana em Trento (Itália), anunciou em comunicado a Ciência Viva - Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica.

A proposta, que partiu de antigos dirigentes desta organização, com os quais o ex-ministro e físico português Mariano Gago (que morreu no passado mês de Abril, vítima de cancro) colaborou activamente nos últimos anos, foi formalmente aprovada pela direcção desta instituição, que representa perto de 400 museus e centros de ciência distribuídos por 50 países e anualmente visitados por cerca de 40 milhões de pessoas, explica ainda o comunicado.

Nesta sua primeira edição, os prémios Ecsite Mariano Gago contemplarão apenas uma categoria – a criatividade –, mas prevê-se que outras surjam em futuras edições. O montante do premio é de 7500 euros, provenientes da Fundação Ernest Solvay, gerida pela Fundação Rei Balduíno (Bélgica).

“O Prémio Ecsite de Criatividade distingue soluções criativas na área da comunicação e da promoção da ciência [junto do público]. É outorgado a uma organização que tenha desenvolvido uma acção ou programa inovadores (…) nos últimos dois anos”, lê-se na página online da Ecsite.

O júri deste ano é composto por Annemies Broekgaarden (Rijksmuseum, Holanda), Carlos Coelho (empresa Ivity, Portugal), Dariusz Jemielniak (Universidade Kozminski, Polónia) e Jean-Louis Kerouanton (Universidade de Nantes, França).



fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti
http://www.publico.pt/ciencia/noticia/organizacao-europeia-de-centros-de-ciencia-cria-premios-mariano-gago-1698651

Nenhum comentário:

Postar um comentário