Google+ Followers

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Museus do estilista Yves Saint Laurent abrirão em Paris e no Marrocos.

Yves Saint Laurent foi um estilista francês que fez parte do mundo da alta costura do século XX. Assumidamente homossexual, Yves viveu boa parte da sua vida ao lado do seu companheiro Pierre Bergé - mesmo depois de separados, em 1976, ambos mantiveram a parceria que fundou a marca YSL. Hoje, mais de 50 anos após a consolidação da casa de moda, Bergé anunciou a fundação de dois museus em memória do estilista, um em Paris e outro em Marraquexe, Marrocos. Morto em 2008, aos 71 anos, o estilista considerado um gênio da moda teve dois filmes lançados sobre sua vida nos últimos anos.


O portal do The Telegraph revelou que a Fundação Pierre Bergé - Yves Saint Laurent está financiando o lançamento de dois museus em 2017, em Paris e Marraquexe. As duas cidades fizeram parte da história do estilista, uma vez que foram onde Yves fixou residência durante seu processo de criação. 

A Mansão na Avenida Marceau de Paris, onde o estilista manteve seu ateliê de criação por muitos anos, será o espaço onde habitará o primeiro museu. Com o espaço duplicado e a decoração restaurada para ficar igual ao ateliê original, o local abrigará o estúdio de criação, salão de costura, roupas, croquis e fotografias dos modelos criados por YSL. Por ter catalogado todo o seu trabalho, a Fundação herdou cerca de 40 anos de trabalho resgistrado, 5 mil modelos prontos e 15 mil acessórios. 

Quando Yves descobriu Marraquexe, em 1996, ele ficou encantado com o lugar e decidiu comprar uma residência na cidade, onde visitava regularmente. O museu em Marrocos será um espaço de memória e lembrança do estilista, que contará também com uma biblioteca para pesquisa, um café e um restaurante.





Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura é o único antídoto que existe contra a ausência de amor.

Vamos compartilhar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário