Google+ Followers

sábado, 21 de maio de 2016

Vaticano: Museus recebem arte sacra da Bielorrússia. --- Vatican: Museums receive sacred art of Belarus.

Cidade do Vaticano, (Ecclesia) – Os Museus do Vaticano vão acolher uma exposição dedicada à arte sacra bielorrussa, a partir de hoje até 25 de julho, onde se mostram “imagens, ícones de vários séculos e as obras mais representativas” dessa tradição.





“O ecumenismo constrói-se também com relações e com intercâmbios culturais. As relações culturais com as nações do leste europeu, em particular, com as de confissão ortodoxa, estão em primeiro lugar nos desejos e nos projetos da Santa Sé”, afirmou diretor dos Museus do Vaticano.

Segundo Antonio Paolucci, vão ser apresentadas ao público “imagens sacras, ícones de vários séculos e as obras mais representativas da tradição artística bielorrussa”.

A Rádio Vaticano observa que uma parte considerável de ícones e objetos litúrgicos antigos do país do leste estão em museus estatais mesmo depois das igrejas de onde foram retirados terem “sido reabertas há mais de vinte anos”.

Para Antonio Paolucci sobre uma mudança de realidade “é preciso”, em primeiro lugar, ter “em consideração a segurança das obras”, afinal em Itália também “seguem esse critério”.

“Em linha de princípio, é positivo que as obras de arte sacra se conservem no lugar onde nasceram. Mas quando as condições de segurança e de correta conservação são carentes, é justo transferi-las para os museus. É preciso avaliar cada caso individualmente", sublinhou o diretor dos Museus do Vaticano.


A emissora católica informa que oportunidade de realizar a exposição de arte sacra bielorussa nasceu num encontro entre o secretário de Estado da Santa Sé, o cardeal Pietro Parolin, com as autoridades da República de Belarus (Bielorrússia), em março de 2015.

É a primeira vez que obras de arte do Leste da Europeu vão ser expostas nos Museus do Vaticano e o seu responsável adianta que estão a trabalhar numa exposição de arte sacra russa, “que será aberta, talvez, daqui a um ano”.






--in via tradutor do google

Vatican: Museums receive sacred art of Belarus.

Vatican City, (Ecclesia) - The Vatican Museums will host an exhibition dedicated to the Belarusian sacred art, from today until July 25, where they show "images of several centuries icons and the most representative works" that tradition.

"Ecumenism also constructed relations and cultural exchanges. Cultural relations with the nations of Eastern Europe, in particular with the Orthodox confession, are first in the desires and projects of the Holy See, "said director of the Vatican Museums.

According to Antonio Paolucci, they will be presented to the public "religious images, icons of various centuries and the most representative works of the Belarusian artistic tradition."

Vatican Radio notes that a considerable part of icons and ancient liturgical objects from the east country are in state museums even after the churches from which they were taken have "been reopened for over twenty years."

For Antonio Paolucci about a change of reality "is necessary" in the first place, have "into account the safety of the works", after Italy also "follow this criterion."

"In a matter of principle, it is good that the religious works of art are kept in the place where they were born. But when the conditions of security and proper maintenance are lacking, it is just transfer them to museums. You need to assess each case individually, "said the director of the Vatican Museums.

The Catholic radio station reports that opportunity to perform the exposure of Belarusian religious art was born at a meeting between the Secretary of State of the Holy See, Cardinal Pietro Parolin, with the authorities of the Republic of Belarus (Belarus) in March 2015.

It is the first time that the European Eastern art works will be exhibited in the Vatican Museums and its head said that they are working in a Russian religious art exhibition, "that will open, perhaps a year from now."




Nenhum comentário:

Postar um comentário