Listen to the text.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

‘Underground’ to Screen at New National Museum. --- 'Underground' para Tela novamente - Museu Nacional de História Americana Africano e Cultura do Smithsonian.

WGN America’s hit series Underground has been tapped as the first public program presented at the Smithsonian’s new National Museum of African American History and Culture.


The drama, which tells the story of valiant enslaved people who risked their lives to reach freedom on the Underground Railroad, will screen in the Oprah Winfrey Theater on Monday, September 26. It will also introduce museum visitors to the NMAAC’s exhibit “Slavery and Freedom.” The exhibition, which will be housed in the history galleries, explores the complex story standing at the core of the American experience. 

This is another big move for the WGN America series, which recently announced it was adding Aisha Hinds to the cast to portray Harriet Tubman. NMAAC’s museum director, Lonnie Bunch, said the partnership between the series and the show is perfect.

“It is so fitting that we will be screening the critically acclaimed television series ‘Underground,’ which introduces Harriet Tubman,” Bunch said. “The museum has a number of artifacts on display documenting the life and work of this iconic Underground Railroad operator, Civil War spy and suffragist.”

Sony Pictures Television presidents Zack Van Amburg and Jamie Erlich called inclusion in the museum an “honor.”


“To be included as the inaugural public program of the Smithsonian’s new National Museum of African American History and Culture is beyond an honor and speaks to the ground-breaking power and culturally significant impact that one television show can have,” they said in a press release.

Underground was a ratings boon for the network, drawing in millions of viewers each week. The show stars Jurnee Smollett-Bell, Aldis Hodge, Alano Miller, Jessica de Gouw, Amirah Vann, Christopher Meloni and Marc Blucas. The series is produced by singer-songwriter John Legend.




Fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://www.jetmag.com/entertainment/underground-nmaac/#ixzz4KMArehUh 

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.





--br via tradutor do google
'Underground' para Tela novamente - Museu Nacional de História Americana Africano e Cultura do Smithsonian.

A série de sucesso da WGN America Metro tem sido aproveitado como o primeiro programa público apresentado no novo Museu Nacional de História Americana Africano e Cultura do Smithsonian.

O drama, que conta a história do povo escravizado valentes que arriscaram suas vidas para alcançar a liberdade na estrada de ferro subterrânea, será exibido na Oprah Winfrey Theater na segunda-feira, 26 de setembro Ele também irá apresentar aos visitantes do museu a exposição do NMAAC "Escravidão e Liberdade . "a exposição, que será alojado nas galerias de história, explora a história de pé complexo no centro da experiência americana.

Este é outro grande movimento para a série WGN America, que anunciou recentemente que estava adicionando Aisha Hinds para o elenco para retratar Harriet Tubman. diretor do museu de NMAAC, Lonnie Bunch, disse que a parceria entre a série eo show é perfeito.

"É muito apropriado que nós estaremos triagem da série de televisão aclamado 'Underground', que introduz Harriet Tubman", disse Bunch. "O museu tem uma série de artefatos em exibição que documentam a vida e obra deste icónico operador Underground Railroad, espião da Guerra Civil e sufragista."

presidentes Sony Pictures Television Zack Van Amburg e Jamie Erlich chamou a inclusão no museu uma "honra".

"Para ser incluído como o programa público inaugural do novo Museu Nacional de História Americana Africano e Cultura do Smithsonian está além de uma honra e fala com o poder inovador e impacto cultural significativo que um programa de televisão pode ter", disseram eles em uma prensa lançamento.

Subterrânea foi uma benção classificações para a rede, atraindo milhões de espectadores a cada semana. As estrelas da mostra Jurnee Smollett de sino, Aldis Hodge, Alano Miller, Jessica de Gouw, Amirah Vann, Christopher Meloni e Marc Blucas. A série é produzida pelo cantor e compositor John Legend.

8,000-year-old female figurine uncovered in central Turkey. --- Estatueta feminina de 8.000 anos descoberto na região central da Turquia

Stanford University Professor Ian Hodder told The Associated Press in an email that the 17-cm (7-inch) figurine, found at the Catalhoyuk site, is unique because it is carved from stone, unlike most which are made from clay.


Its excellent condition and craftsmanship also set it apart, he said.

Unlike others found in garbage pits, Hodder said this figurine was found beneath a platform along with a piece of obsidian which suggests that it may have been placed there as part of some ritual.

Such figurines are often thought of as fertility goddesses. However, Hodder cites newer theories that suggest this object represents older women who have achieved status.

"The new figurine certainly suggests such an interpretation with its sagging breasts and belly," he said.

A UNESCO World Heritage site, Catalhoyuk is one of the earliest cities uncovered and dates back nearly 9,000 years. Archaeological research has been conducted there since the 1960s.




Fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://phys.org/news/2016-09-year-old-female-figurine-uncovered-central.html#jCp

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.






--br via tradutor do google
Estatueta feminina de 8.000 anos descoberto na região central da Turquia

Universidade de Stanford Professor Ian Hodder disse à Associated Press em um e-mail que a estatueta de 17 cm (7 polegadas), encontrado no site da Catalhoyuk, é único porque é esculpida em pedra, ao contrário da maioria, que são feitos de barro.

A sua excelente condição e artesanato também o diferencia, disse ele.

Ao contrário de outros encontrados em covas de lixo, Hodder disse esta estatueta foi encontrada debaixo de uma plataforma junto com um pedaço de obsidiana o que sugere que ele pode ter sido colocado lá como parte de algum ritual.

Tais figuras são muitas vezes consideradas como deusas da fertilidade. No entanto, Hodder cita teorias mais recentes que sugerem que este objeto representa as mulheres mais velhas que alcançaram status.

"A nova estatueta certamente sugere uma interpretação tal com os seus seios caídos e na barriga", disse ele.

Um Património Mundial da UNESCO, Catalhoyuk é uma das primeiras cidades a descoberto e remonta cerca de 9.000 anos. A pesquisa arqueológica foi realizada lá desde a década de 1960.

Parlamento debate isenção de IVA a doações de bens móveis aos museus de Portugal. ---- Parliament debate VAT exemption to donations of movable property to museums in Portugal..

Um projeto de lei do Partido Socialista, que isenta de IVA a doação de bens móveis a museus da Rede Portuguesa de Museus (RPM), para incentivar iniciativas da sociedade civil, vai ser debatido na sexta-feira, no parlamento.



O projeto de lei foi debatido e votado na quarta-feira, na Comissão de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, e subirá à reunião plenária para debate e votação final, na sexta-feira, a partir das 10:00.

Neste projeto de lei n.º 253/XIII/1.ª, o PS refere que o regime fiscal destas doações de bens móveis, em sede de IVA, não é regulado pela legislação setorial da atividade museológica, mas pelo quadro legal plasmado no Código do IVA.

Esse quadro, "permite que subsistam a descoberto várias tipologias de doações e ofertas de bens móveis que, ao não se enquadrarem no conceito de Mecenato ou Patrocínio, são sujeitas a pagamento de IVA em caso de doação ou oferta a instituições museológicas".

A iniciativa legislativa do PS visa, "através de uma alteração cirúrgica do Código do IVA, criar um incentivo relevante para a integração de bens móveis nas coleções dos museus integrados na Rede, reconhecendo a sua importância para a valorização dos espaços museológicos e garantindo que não são desperdiçadas oportunidades de integração de acervos particulares nos espaços museológicos nacionais".

No texto do projeto de lei, o PS sublinha ainda que "as ofertas e doações são de grande importância para os museus, especialmente no quadro de restrições orçamentais que o país atravessa, afetando o Estado, as autarquias e outros responsáveis por espaços museológicos da Rede".

"O incentivo às ofertas e doações de bens móveis, por parte de cidadãos e de empresas aos museus, deve ser estimulado pelo Estado, uma vez que reforça a relação entre a sociedade civil e a cultura, contribui para aproximar o cidadão das instituições culturais e apela à cidadania responsável no campo da beneficência cultural", sustentam os socialistas.

Atualmente com 146 membros, a RPM existe desde 2000, como organismo oficial certificador da qualidade e funcionamento dos espaços museológicos no país, e tem vindo a promover a partilha de conhecimento, serviços, recursos e boas práticas nesta área.

Reúne museus e palácios, incluindo os nacionais, os tutelados pelas delegações da cultura dos Açores e da Madeira, da administração local e central, de empresas públicas, privados, de fundações, da Igreja Católica e das Misericórdias.

O sistema de adesão à RPM parte de uma candidatura voluntária dos museus interessados, que é depois avaliada pela Direção-Geral do Património Cultural.

O projeto de lei é assinado pelos deputados socialistas Carlos César, Gabriela Canavilhas, Pedro Delgado Alves, Edite Estrela, João Torres, e Carla Sousa.

Diário Digital com Lusa




Fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.





--in via tradutor do google
Parliament debate VAT exemption to donations of movable property to museums in Portugal.

A bill of the Socialist Party, which exempts from VAT the donation of movable museum of the Portuguese Museum Network (RPM), to encourage civil society initiatives, will be debated on Friday in parliament.

The bill was debated and voted on Wednesday, in the Budget, Finance and Administrative Modernization Commission, and will rise to the plenary for debate and final vote on Friday, from 10:00.

In this draft law 253 / XIII / 1st, the PS states that the tax treatment of these donations of movable property, for VAT, is not regulated by sectoral legislation museological activity, but the legal framework enshrined in the Code VAT.

This picture, "allows remain uncovered various types of grants and chattels offers that, do not fit the concept of patronage or sponsorship, are subject to payment of VAT in case of donation or offer to museological institutions."

The legislative initiative of the PS aims "through a surgical change of the VAT Code, create an important incentive for integration of movable property in the collections of integrated museums in the network, recognizing its importance for the valuation of museum spaces and ensuring that no they are wasted integration opportunities of private collections in the national museum spaces. "

The bill text, the PS also states that "the offerings and donations are of great importance for museums, especially in the context of budgetary constraints facing the country, affecting the state, municipalities and other responsible for museum spaces Network ".

"Encouraging chattels offerings and donations from citizens and companies to museums, should be encouraged by the state, as it strengthens the relationship between civil society and culture, it helps to bring the citizens of cultural institutions and calls for responsible citizenship in the field of cultural charity ", sustain the socialists.

Currently 146 members, RPM has existed since 2000 as a certifying official body of the quality and operation of the museum spaces in the country, and has been promoting the sharing of knowledge, services, resources and best practices in this area.

Brings together museums and palaces, including national, the tutored by the delegations of the Azores and Madeira culture, local and central government, public, private companies, foundations, the Catholic Church and the Mercies.

The membership system to RPM part of a voluntary application of museums interested, which is then evaluated by the General Directorate of Cultural Heritage.

The bill is signed by the Socialist deputies Carlos César, Gabriela Canavilhas, Pedro Delgado Alves, Edite Estrela, John Torres and Carla Sousa.

Digital Diary with Lusa