Google+ Followers

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Australian Fashion Week: Menswear leading growth internationally, experts say. --- Semana da moda australiana: crescimento feminino líder internacionalmente, dizem os especialistas.

Australian Fashion Week has kicked off in Sydney, and compared to recent years, there has been an increase in menswear designers.



PHOTO: The runway from Garrett Neff's KATAMA collection,
showing at Australian Fashion Week. (ABC News: Stephanie Dalzell)

It is a sign of the times as growth in the global menswear market outstrips womenswear.

In Australia, sales of menswear have risen 3 per cent, compared to 2 per cent for women.

PHOTO: Garrett Neff's KATAMA collection made its international debut 
on Tuesday. (ABC News: Stephanie Dalzell)

The entire menswear industry is expected to contribute about $600 billion to the global market by 2020, and designer and former fashion buyer Justin O'Shea said it was a "great time to be a man".

"Men are a little more emancipated … you can be a bogan and you can still wear Gucci — it's totally fine," he said.

"You're not going to be beaten up in a pub anymore, people will just be like: 'dude, you look really good'.

"The menswear market is totally growing — and you can see that with the influence of brands especially from overseas coming to build retail platforms here."

One of those brands is Katama, by New York-based designer Garrett Neff.

His menswear collection made its international debut at Australian Fashion Week on Tuesday.

PHOTO: Neff said the men's fashion industry still 
had some growing to do. (ABC News: Stephanie Dalzell)

Neff said that while the men's fashion industry still had some growing to do it was just a matter of time before it caught up to the traditional womenswear market.

He said social media and online blogging sites were levelling the playing field, with more men accessing fashion than ever before.

"Now, you have fashion everywhere: it's on your phone, your friends are posting photos of clothes they're wearing, you're following bloggers, you're able to read GQ [Magazine] on your phone, so there's so many more ways to be exposed to fashion," he said.

O'Shea said he was excited to see the remaining designers left to show at Australian Fashion Week, saying the local fashion industry had been "devoid" of menswear for a long time.

The four showcasing menswear are all Australian designers: Strateas Carlucci, Justin Cassin, Double Rainbouu and Ten Pieces.

The rise and rise of the metrosexual

PHOTO: Garrett Neff's KATAMA collection 
at Boy Charlton Pool. (ABC News: Stephanie Dalzell)

In the 1990s, British journalist Mark Simpson famously created the term 'metrosexual', defined as a "single young man with a high disposable income" who liked to shop.

That man was described as "perhaps the most promising consumer market of the decade" and O'Shea said Simpson's prediction was on the mark.

"When you look at the luxury fashion index and see the growth of menswear — it's obviously not going to be as big as women's for a long time — but the growth is faster, so he's obviously onto something."

He echoed Neff's comments, saying social media and online sales were a driving force behind the growth.

"With online you can try it on at home, you can have your buddies over, a few VBs, you know try on a couple of shirts, or you can figure it out yourself and when you feel comfortable, you can buy it. So online is definitely a great thing for guys," O'Shea said.

Models Zac and Jordan Stenmark, who run their own fashion site Stenmark.life, said social media and fashion bloggers had allowed men to feel more comfortable with fashion.


PHOTO: Zac and Jordan Stenmark are poster boys of the 
burgeoning men's fashion scene. (ABC News: Stephanie Dalzell)
"I think men are becoming more expressive with what they want to wear and they're really getting into showing who they are through their clothes rather than 'this is practical, this is functional'," his brother Zac added.






fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://www.abc.net.au/news/2017-05-16/menswear-taking-lead-at-fashion-week/8529502?WT.tsrc=Twitter_Organic&sf79140298=1&smid=abcnews-Twitter_Organic

Cultura não é o que entra pelos olhos e ouvidos,
mas o que modifica o jeito de olhar e ouvir. 
A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.

Culture is not what enters the eyes and ears, 
but what modifies the way of looking and hearing.







--br via tradutor do google
Semana da moda australiana: crescimento feminino líder internacionalmente, dizem os especialistas.

A Semana da Moda Australiana começou em Sydney e, em comparação com os últimos anos, houve um aumento nos designers masculinos.

É um sinal dos tempos em que o crescimento no mercado global de moda masculina supera a moda feminina.

Na Austrália, as vendas de roupas masculinas aumentaram 3 por cento, em comparação com 2 por cento para as mulheres.

Espera-se que todo o setor de roupas masculinas contribua com cerca de US $ 600 bilhões para o mercado global até 2020 e o designer e ex-comprador de moda, Justin O'Shea, disse que era um "ótimo momento para ser um homem".

"Os homens são um pouco mais emancipados ... você pode ser um bogan e você ainda pode usar Gucci - está totalmente bem", disse ele.

"Você não vai ser mais espancado em um pub, as pessoas serão como:" cara, você está realmente bem ".

"O mercado de roupas masculinas está crescendo totalmente - e você pode ver isso com a influência das marcas, especialmente do exterior, que vem para construir plataformas de varejo aqui".

Uma dessas marcas é Katama, da designer britânica Garret Neff.

Sua coleção masculina fez sua estréia internacional na Australian Fashion Week na terça-feira.

Neff disse que, enquanto a indústria da moda masculina ainda tinha algum crescimento para fazer, era apenas uma questão de tempo antes de se aproximar do mercado tradicional de roupas femininas.

Ele disse que as redes sociais e os sites de blogs on-line estavam nivelando o campo de jogo, com mais homens acessando a moda do que nunca.

"Agora, você tem moda em todos os lugares: está no seu telefone, seus amigos estão posando fotos de roupas que estão vestindo, você está seguindo blogueiros, você pode ler o GQ [Magazine] no seu telefone, então há tantos mais Maneiras de se expor à moda ", disse ele.

O'Shea disse que estava entusiasmado por ver os restantes designers deixados para mostrar na Australian Fashion Week, dizendo que a indústria da moda local tinha sido "desprovida de moda masculina por muito tempo".

Os quatro figurinos são todos designers australianos: Strateas Carlucci, Justin Cassin, Double Rainbouu e Ten Pieces.

O aumento e a ascensão do metrosexual

Na década de 1990, o jornalista britânico Mark Simpson criou o termo "metrosexual", definido como um "jovem solteiro com alta renda disponível" que gostava de fazer compras.

Esse homem foi descrito como "talvez o mercado consumidor mais promissor da década" e O'Shea disse que a previsão de Simpson estava na marca.

"Quando você olha para o índice de moda de luxo e vê o crescimento da moda masculina - obviamente não vai ser tão grande quanto as mulheres por um longo período de tempo - mas o crescimento é mais rápido, então é obviamente em algo".

Ele ecoou os comentários de Neff, dizendo que as mídias sociais e as vendas on-line eram uma força motriz por trás do crescimento.

"Com on-line, você pode tentar em casa, você pode ter seus amigos, alguns VBs, você sabe tentar algumas camisas, ou você pode descobrir você mesmo e quando se sentir confortável, você pode comprá-lo. On-line definitivamente é uma ótima coisa para os caras ", disse O'Shea.

Os modelos Zac e Jordan Stenmark, que dirigem seu próprio site de moda Stenmark.life, disseram que as redes sociais e os blogueiros de moda permitiram que os homens se sentissem mais à vontade com a moda.

"É realmente habilitado um monte de gente a compartilhar sua mensagem, seu estilo, a forma como eles querem se vestir e a maneira como eles pensam que as tendências estão se movendo. Eu acho ótimo que existam mais plataformas para compartilhar isso", disse Jordan Stenmark.

"Eu acho que os homens estão se tornando mais expressivos com o que eles querem usar e eles realmente estão começando a mostrar quem são através de suas roupas, em vez de" isso é prático, isso é funcional ", acrescentou o irmão Zac.

Nenhum comentário:

Postar um comentário