Listen to the text.

sábado, 22 de setembro de 2012

Um museu para os sons da tecnologia



Site reúne sons que foram ‘extintos’ com o avanço tecnológico , como da conexão discada e do Gameboy
FOTO: REPRODUÇÃO
SÃO PAULO – Se lembra dos sons que eram feitos quando você acessava sua conexão discada? E o som do braço da vitrola para encostar no vinil?  E o barulhinho doTamagotchi, Gameboy Asteroids?
—-
• Siga o ‘Link’ no Twitter, no Facebook, no Google+ no Tumblr e no Instagram
Pode ser que você ainda lembre de um ou outro, mas o fato é que a maior parte dos sons de equipamentos somem da memória coletiva com o passar dos anos.
O vício pelos sons de máquinas e a ideia de que um dia vários sons poderiam desaparecer, motivaram Brendan Chilcutt a montar um museu online de sons.
Chilcutt quer levar o projeto até 2015. “Se você não entende a minha paixão e importância do meu trabalho, você provavelmente nunca entenderá . Mas se entende, então você veio ao lugar certo”, diz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário