Google+ Followers

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Antigo casarão de fazenda em Rafard, São Paulo, Brasil, foi doado a organização social. 'Objetivo é que visitante tenha acesso ao Abaporu', diz diretor da entidade.

Meia dúzia de homens retira cuidadosamente as velhas telhas do casarão principal da Fazenda São Bernardo, na zona rural de Rafard (SP). Enquanto isso, no chão, outro funcionário as lava uma por uma antes de subi-las novamente aos devidos lugares, onde estão desde 1875.



Esse processo minucioso faz parte da primeira etapa de restauração da casa onde Tarsila do Amaral nasceu e viveu até 9 anos de idade. O local será transformado em um museu interativo ligado ao modernismo, movimento que influenciou as artes e o design na primeira metade do século 20 e do qual a pintora fez parte.

Nesta quinta-feira (11) são comemorados 94 anos do início da Semana de Arte Moderna de 1922. O evento foi realizado até 18 de fevereiro daquele ano e "inaugurou" o movimento modernista no Brasil.


Quadrante Caipira
Quem chega pelo portão principal da residência logo vê a escadaria do casarão, que leva à varanda. A porta de duas folhas exibe sua beleza em meio a algumas teias de aranha. De lá de cima é possível contemplar um amplo campo de futebol de várzea e um rancho, palcos de luais e outros eventos promovidos pela Abaçaí. Em volta, atrás das árvores, há escola, igreja, laboratório da usina, cocheira, tudo desativado.


A casa também é rodeada de várias moradias menores, algumas tombadas e outras não. Com tantos espaços disponíveis, a Abaçaí abraçou o lugar com o objetivo de transformar a Fazenda São Bernardo no "Quadrante Caipira", um espaço para fomentar a cultura do interior paulista por meio de aulas de teatro, dança, música, artesanato, apresentações, encontros, manifestações tradicionais e ações com a comunidade. O espaço será denominado Centro Cultural Luz de Pirilampos.


O turismo também deve ser explorado. Em pouco mais de um ano de trabalho, um dos projetos desenvolvidos pela entidade está em fase avançada. "Estamos ensinando adolescentes da cidade a lidar com cavalos e já temos algumas charretes. As pessoas trazem os cavalos e os meninos são preparados para conduzirem os turistas em passeios, não só pelo ambiente interno da fazenda, mas por alguns pontos de Rafard, como a antiga Usina Hidrelétrica Leopoldina", detalhou Macedo.

Verba
A primeira etapa da restauração é realizada com uma verba de R$ 424 mil cedida pela Raízen, empresa do Grupo do Cosan, por meio do Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. Há pouco mais de um ano, o casarão foi doado à Abaçaí pela Radar, gestora de propriedades da companhia sucroalcooleira, com mais 31 hectares de terras.

Parte da Fazenda São Bernardo é tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) desde 2011, por ser considerado patrimônio histórico e cultural de Rafard, Capivari (SP) e Mombuca (SP). Antes de Rafard conquistar emancipação, há 51 anos, a área onde a propriedade está localizada pertencia a Capivari.

A segunda parte do restauro será voltada ao interior da casa, que é feita de pau a pique e barrotes de bambu amarrados com cipó. "É o único bem significativo em pau a pique de Rafard", disse o diretor cultural da Abaçaí. Somando todos os prédios hoje pertencentes à entidade, Macedo prevê que a intervenção deve custar aproximadamente R$ 1 milhão. "Mas estamos trabalhando por etapas. Nosso fôlego no momento é para cuidarmos do casarão."





fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2016/02/casa-onde-tarsila-do-amaral-nasceu-e-restaurada-para-virar-museu-interativo.html

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura é o único antídoto que existe contra a ausência de amor.


Vamos compartilhar.

--in via tradutor do google
Half a dozen men carefully remove the old tiles from the main mansion on St. Bernard Farm, in rural Rafard (SP). Meanwhile, on the ground, another employee wash them one by one before you upload them again to the proper places, where they are from 1875.

This thorough process is part of the first house restoration stage where Tarsila do Amaral was born and lived until the age of 9. The site will be transformed into an interactive museum connected to modernism, a movement that influenced the arts and design during the first half of the 20th and which the painter was part of the century.

On Thursday (11) are celebrated 94 years of the beginning of the Modern Art Week in 1922. The event was held by 18 February of that year and "opened" the modernist movement in Brazil.

quadrant Grit
Those arriving through the main gate of the residence soon see the house from the staircase leading to the balcony. The two leaves door displays its beauty amid some cobwebs. From the top you can admire a wide floodplain football field and a ranch, luais stages and other events sponsored by Abaçaí. In back, behind the trees, there are school, church, the plant laboratory, stable, all disabled.

The house is also surrounded by several smaller houses, some fallen and some not. With so many spaces available, the Abaçaí embraced the place in order to transform the St. Bernard Farm in "Hick Quadrant," a space to foster the culture of São Paulo through acting classes, dance, music, crafts, presentations, meetings , traditional events and actions with the community. The space will be called Cultural Center Light of Fireflies.

Tourism should also be explored. In little more than a year of work, one of the projects developed by the entity is at an advanced stage. "We are teaching teenagers the city to deal with horses and we already have some carriages. People bring their horses and the boys are prepared to lead tourists on walks, not only for domestic farm environment, but for some points Rafard like old Hydroelectric Leopoldina ", explained Macedo.

appropriation
The first stage of restoration is performed with an amount of R $ 424,000 courtesy Raizen, Cosan Group company, through the Cultural Action Program (ProAC), the São Paulo State Secretary of Culture. A little over a year, the mansion was donated to Abaçaí by Radar, managing properties of sugar and alcohol company, with over 31 hectares of land.

Part of St. Bernard Farm is listed by the Council for the Defense of the Historical, Archaeological, Artistic and Tourist (Condephaat) since 2011, to be considered historical and cultural heritage of Rafard, Capivari (SP) and Mombuca (SP). Before Rafard win emancipation 51 years ago, the area where the property is located belonged to Capivari.

The second part of the restoration will be turned into the house, which is made of wattle and daub and bars of bamboo tied with vine. "It's very significant one sticks to Rafard pike," said the director of cultural Abaçaí. Adding all the buildings now belonging to the entity, Macedo provides that the intervention would cost approximately R $ 1 million. "But we're working in stages. Our breath at the moment is to take care of the mansion."

Nenhum comentário:

Postar um comentário