Google+ Followers

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Moscou ganhará museu dedicado a Mao Tsé Tung. --- In July, a museum dedicated to Mao Zedong will open its doors in the Russian capital

Documentação para projeto já foi aprovada e material chegará diretamente de Pequim.

Líder estampará paredes de propriedade que recebeu reunião do partido comunista chinês em 1928



Em julho, um museu dedicado a Mao Tsé Tung abrirá as portas na capital russa, de acordo com comunicado divulgado no portal oficial da prefeitura de Moscou.

Segundo o chefe do Mosgornasledie, departamento de patrimônio da cidade de Moscou, Aleksêi Emelianov, a documentação para a realização do projeto já foi aprovada.

O museu será instalado no prédio que anteriormente abrigou o museu-propriedade do cientista e magnata Aleksêi Ivánovitch Mússin-Púchkin.

O local foi escolhido a dedo: em 1928, o edifício recebeu o 6° Congresso do Partido Comunista da China. Foi o único congresso do partido ocorrido fora do país.

O material exposto no museu virá diretamente de Pequim. Assim, as paredes das salas reformadas receberão fotos do líder comunista Mao Tsé Tung, assim como de outros presentes no congresso de 1928, cartazes do partido em chinês etc.

No primeiro andar da propriedade, será possível assistir a documentários que contarão mais detalhes da história aos visitantes.

A construção tornou-se Centro Cultural Chinês em setembro de 2013, durante reunião paralela ao G-20 entre o presidente russo Vladímir Pútin e seu homólogo chinês. O acordo então assinado é válido por 49 anos.







Fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://gazetarussa.com.br/sociedade/2016/02/18/moscou-ganhara-museu-dedicado-a-mao-tse-tung_568967

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura é o único antídoto que existe contra a ausência de amor.

Vamos compartilhar.






--in via tradutor do google
In July, a museum dedicated to Mao Zedong will open its doors in the Russian capital, according to a statement on the official website of the Moscow City Hall.

According to the head of Mosgornasledie, heritage department of the city of Moscow, Alexei Emelianov, the documentation for the realization of the project has already been approved.

The museum will be installed in the building that previously housed the museum-estate mogul and scientist Alexei Ivanovich Mussin-Pushkin.

The place was handpicked: in 1928, the building received the 6th Congress of the Communist Party of China. Was the only party congress occurred outside the country.

The materials in the museum come directly from Beijing. Thus, the walls of the renovated rooms will receive photos of Communist leader Mao Zedong, as well as other gifts in 1928 Congress, party posters in Chinese etc.

On the first floor of the property, you can watch documentaries that will tell more details of the story to visitors.

The building became Chinese Cultural Center in September 2013, during parallel meeting to the G-20 between Russian President Vladimir Putin and his Chinese counterpart. The then signed agreement is valid for 49 years.

Nenhum comentário:

Postar um comentário