Google+ Followers

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Khiva - The City Museum - Khiva - O Museu da Cidade

Probably, Khiva is the most peculiar Uzbek city. Its history is inextricably connected with the history of the legendary Khorezmshah’s State with its capital in Urgench before. Khiva is a very ancient city.


In the 10th century Khiva is mentioned as a major trading center on the Silk Road. All the caravans had a stop here on their way to China and back. From dawn to dusk, until the gates were opened, an endless stream of moving string of camels with baggage passed them.


At the beginning of the 16th century Khorezm State became home for Uzbek nomadic tribes, who founded Khive Khanate here. However, Khiva did not become immediately the Khanate’s capital. It happened only after Urgench, an existing capital, had been destroyed due to the change of Amu Darya’s channel. In 1598 Khiva became the main city of the state.


In the 19th century Russia annexed part of Khiva Khanate. One century later, in 1919, the last Khan was liquidated of the ruling dynasty. So Khiva became the capital of the new Khorezm Soviet People's Republic. In 1924 territories of Khorezm oasis became a part of modern Uzbekistan and Turkmenistan.
Legend about Khiva.


There are many interesting legends that tells about the origin of Khiva. Allegedly, the city grew around the well Hewvakh, with tasty and cool water. The well was dug by the order of Shem, the elder son of Biblical Noah. Today one can see this well in the old part of Khiva, Itchan-Kala.

Khiva - a unique city, rightfully claiming the title of "the seventh wonder of the world", thanks to its authentic atmosphere of the 'era of the beginning of time. " Most of the city of Khiva is similar to the open-air museum. And the nucleus of this museum - castle Itchan-Kala. It is inside this fortress concentrated all the architectural masterpieces of Khiva. Everyone who enters the fortress, are among the marvelous minarets, stone-paved alleys curves, leading to a madrassa with lacy rough mosaic of the ancient walls. This oriental tale! In 1990 the city was included in the UNESCO World Heritage List.


-

The history of Khiva

The history of Khiva goes back centuries. Nobody knows exactly when this city sprang up, but the legends have it that once a son of the biblical hero Noah, Shem ordered to dig a well. By the way, this ancient well still exists in Ichan-Kala (the inner city) these days. But throughout its history up to 1598 Khiva was a small town in the desert, which was found on the way of caravans passing through Khorezm. At that time, it was often destroyed by various invaders: Alexander the Great, the Arabs, led by Qutayba ibn Muslim, Genghis Khan, Amir Timur, and many others intruded into this land.


But in 1598 Khiva became the capital of the Khanate of Khiva, because the Amu Darya River had changed its course, and destroyed the former capital Kunya-Urgench. Khiva gradually developed into a small but well-fortified city, which at the same time became a spiritual center of the Islamic world. Nevertheless, slave trade was flourishing in Khiva long enough - Khiva raiders drove people from the southern regions of Russia and Persia into slavery. This caused the Russian Empire in 1873, to organize a military campaign to do away with a flesh-traffic in Central Asia. And as a consequence of it, the Khanate of Khiva was annexed to the Government-General of Turkestan.




In 1919, the Red Army of the newly formed Soviet Union overthrew the last khan, and in 1920 Khiva became the capital of Khorezm People's Soviet Republic. In 1924, the city became the administrative center of the Khorezm region in Uzbekistan. In 1991 Uzbekistan gained independence, and Khiva became one of the country’s major tourist centers. Indeed, today, in Uzbekistan, there is hardly a place, that would have such a concentration of different landmarks.


fonte: @edisonmaritto #edisonmariotti 
colaboração:



--br
Provavelmente, Khiva é a cidade usbeque mais peculiar. A sua história está intimamente ligada com a história do Estado do lendário Khorezmshah com sua capital em Urgench antes. Khiva é uma cidade muito antiga.

No século 10 Khiva é mencionado como um importante centro de comércio na Rota da Seda. Todas as caravanas teve uma parada aqui no caminho para a China e para trás. Do amanhecer ao anoitecer, até que os portões foram abertos, um fluxo interminável de seqüência de camelos com bagagem em movimento passou por eles.
No início do século 16 tornou-se Estado Khorezm casa para usbeques tribos nômades, que fundaram Khive Canato aqui. No entanto, Khiva não se tornou imediatamente capital do Canato. Foi o que aconteceu somente após Urgench, um capital existente, tinha sido destruída devido à mudança de canal de Amu Darya. Em 1598 Khiva se tornou a principal cidade do estado.

No século 19 a Rússia anexou parte de Khiva Canato. Um século mais tarde, em 1919, o último Khan foi liquidada da dinastia governante. Então Khiva se tornou a capital da nova República Khorezm Povo Soviético. Em 1924 territórios de Khorezm oásis se tornou uma parte do Usbequistão moderno e Turcomenistão.

Legend sobre Khiva

Existem muitas lendas interessantes que fala sobre a origem de Khiva. Alegadamente, a cidade cresceu em torno do bem Hewvakh, com água saborosa e fresco. O poço foi escavado pela ordem de Shem, o filho mais velho de Noé bíblica. Hoje pode-se ver isso muito bem na parte antiga de Khiva, Itchan-Kala.

Khiva - uma cidade única, legitimamente reivindicar o título de "a sétima maravilha do mundo", graças à sua atmosfera autêntica da "era do início dos tempos. "A maior parte da cidade de Khiva é semelhante ao museu ao ar livre eo núcleo deste museu -... Castelo Itchan-Kala É dentro desta fortaleza concentrou todas as obras arquitetônicas de Khiva Todo mundo que entra na fortaleza, estão entre os minaretes maravilhosas, becos curvas e calçadas de pedra, levando a uma madrassa com laçado mosaico áspero das antigas muralhas. Este conto oriental! Em 1990, a cidade foi incluída na Lista do Património Mundial da UNESCO.

A história de Khiva

A história de Khiva remonta séculos. Ninguém sabe exatamente quando esta cidade nasceu, mas as lendas contam que uma vez que um filho do herói bíblico Noé, Sem condenada a cavar um poço. By the way, esta bem antiga ainda existe no Ichan-Kala (centro da cidade) nos dias de hoje. Mas toda a sua história até 1598 Khiva era uma pequena cidade no deserto, que foi encontrado no caminho das caravanas que passam através Khorezm. Naquela época, ele foi muitas vezes destruída por vários invasores: Alexandre, o Grande, os árabes, liderados por Qutayba ibn Muslim, Genghis Khan, Amir Timur, e muitos outros se intrometeu para esta terra.

Mas em 1598 Khiva se tornou a capital do Canato de Khiva, porque o Amu Darya rio havia mudado seu curso, e destruiu a antiga capital Kunya-Urgench. Khiva desenvolvido gradualmente em uma cidade pequena, mas bem fortificada, que ao mesmo tempo se tornou um centro espiritual do mundo islâmico. No entanto, o comércio de escravos estava florescendo em Khiva tempo suficiente - raiders Khiva levou as pessoas das regiões do sul da Rússia e da Pérsia à escravidão. Isso fez com que o Império Russo em 1873, para organizar uma campanha militar para acabar com a carne de trânsito na Ásia Central. E, como conseqüência disso, o Canato de Khiva foi anexada ao Governo-Geral do Turquestão.

Em 1919, o Exército Vermelho da União Soviética recém-formado derrubou o último khan, e em 1920 Khiva se tornou a capital de Khorezm República Soviética. Em 1924, a cidade se tornou o centro administrativo da região de Khorezm no Uzbequistão. Em 1991 Uzbequistão ganhou a independência, e Khiva se tornou um dos principais centros turísticos do país. Na verdade, hoje, no Uzbequistão, há quase um lugar, que teria uma tal concentração de pontos de referência diferentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário