Google+ Followers

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Museo Jumex na Cidade do México recebe a Iniciativa de Arte Global Guggenheim UBS MAP

A partir de 19 de novembro até 7 de fevereiro de 2016, oMuseo Jumex apresenta a exposição Sob o mesmo sol: arte da América Latina hoje, a Iniciativa de Arte Global Guggenheim UBS MAP, destacando uma seleção vibrante de obras adquiridas recentemente de 40 artistas de 13 países latino-americanos. 


Organizada pelo nativo da Cidade do México Pablo León de la Barra, curador do Guggenheim UBS MAP América Latina, em colaboração com seus colegas do Museo Jumex, a exposição se concentra predominantemente nos trabalhos de artistas nascidos depois de 1968 e também inclui vários pioneiros que já tinham presença internacional nos anos 60 e 70. 

Sob o mesmo sol apresenta mais de 45 obras em uma variedade de mídias incluindo pintura, instalação, atuação, fotografia, escultura e vídeo. Os países representados são: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Guatemala, Honduras, México, Peru, Porto Rico, Uruguai e Venezuela.


A arquiteta Frida Escobedo, baseada na Cidade do México, criou um design dinâmico de exposição para as galerias. As obras de arte também são apresentadas nas áreas públicas do museu, incluindo uma instalação de Luis Camnitzer específica para o local Um Museu é uma Escola, montada na fachada do prédio; Outro Dia (2003) de Ramírez Jonas, no lobby do Museu e Artforhum (1972) de Rafael Ferrer na loja do Museu.

Sob o mesmo sol foi lançada no Guggenheim Museum em New York em junho de 2014 e, após sua exibição na Cidade do México, seguirá para a South London Gallery em junho de 2016.

Panorama geral da exposição Para demonstrar que a América Latina não pode ser reduzida a uma única entidade homogênea, a exposição Sob o mesmo sol examina a diversidade das recentes respostas criativas às realidades compartilhadas, moldadas pela história colonial e moderna, política governamental repressiva, crise econômica e diferenças sociais, bem como por períodos de desenvolvimento econômico e progresso social. Apesar do crescimento financeiro e aumento da estabilidade na maior parte do continente durante a última década, a América Latina continua dividida por diferenças étnicas e de classes e marcada por problemas políticos e econômicos. Sob o mesmo sol apresenta arte recente que aborda o passado e o presente desta situação sutil e complexa e que explora possíveis alternativas futuras. As obras estão organizadas em cinco temas:

O Conceitualismo inclui obras dos pioneiros conceitualistas latino-americanos ativos nos Estados Unidos nas décadas de 60, 70 e 80, muitos trabalhando até os dias de hoje. As formas de envolvimento que estas figuras-chave desenvolveram continuam a ser investigadas por artistas mais jovens. O Modernismo questiona a dissociação dos elevados ideais do modernismo de suas realidades imperfeitas e inclui obras de artistas que lidam com seu legado nos dias de hoje. 

A Participação / Emancipação convida a participação mental e física dos visitantes, possibilitando que eles se tornem efetivamente uma parte ativa da obra. OAtivismo Político trata do contexto sócio-político no qual a obra de arte foi criada e confronta a maneira na qual os artistas latino-americanos têm direcionado suas práticas como formas de dissidência, protestando contra influências políticas e econômicas estrangeiras, regimes políticos ditatoriais e a violência do tráfico de drogas. 

Tropical reconhece os efeitos que a localização e a natureza (incluindo o clima) exercem sobre a produção cultural, mas apresenta o argumento de que ser "tropical" é principalmente uma questão de atitude que transcende esses interesses. A exposição será acompanhada por uma ampla variedade de programas públicos e educacionais—um foco importante da iniciativa e um marco da plataforma de arte contemporânea do UBS—desenvolvidos conjuntamente pelo Museo Jumex e pelo Guggenheim. A obra Um Logo para a América (1987) de Alfredo Jaar será exibida em painéis digitais do lado de fora do Auditório Nacional nos dias 29 e 30 de janeiro das 08h00 até às 20h04min.

O Museo Jumex criou um novo Web Site —unmismosol.info—para fornecer contexto adicional da exposição e proporcionar aos visitantes uma visão aprofundada dos artistas, das obras de arte e dos temas da exposição Sob o mesmo sol. Os usuários on-line podem navegar pelas obras dos artistas, obter informações sobre os próximos eventos com os artistas, ouvir uma lista de músicas no Spotify criada pelos curadores para acompanhar a exposição e utilizar a Cabine Fotográfica, que permite aos usuários aplicarem um filtro "solar" às suas imagens de perfil, para compartilharem nas redes sociais, através da hashtag #bajounmismosol.

Sobre a Iniciativa de Arte Global do Guggenheim UBS MAPLançada em 2012, a Iniciativa de Arte Global do Guggenheim UBS MAP é uma colaboração entre o Solomon R. Guggenheim Museum and Foundation e a companhia de serviços financeiros UBS com o objetivo de apoiar o conhecimento e o acesso à arte contemporânea do Sul e do Sudeste da Ásia, América Latina, Oriente Médio e do Norte da África. 

Ela inclui residências curatoriais, exposições internacionais itinerantes, programação educacional voltada para públicos específicos e aquisições para o acervo permanente do Guggenheim. Todas as obras foram adquiridas recentemente pelo acervo do Guggenheim com o patrocínio do Fundo de Aquisições do Guggenheim UBS MAP. A iniciativa fortalece e reflete a eminente história de internacionalização da Fundação Solomon R. Guggenheim e aumenta consideravelmente o patrimônio de arte do Guggenheim a partir dessas comunidades dinâmicas.



FONTE Solomon R. Guggenheim Foundation








http://entretenimento.r7.com/pr-newswire/entretenimento/museo-jumex-na-cidade-do-mexico-recebe-a-iniciativa-de-arte-global-guggenheim-ubs-map-20151117.html

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

Vamos compartilhar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário