Google+ Followers

quinta-feira, 10 de março de 2016

O Chaplin’s World – The Modern Times Museum, está situado em Manoir de Ban, na chamada Riviera Suiça, na casa do século XVIII onde Charlot viveu os últimos 25 anos de vida.

O Museu de Charlie Chaplin abre a 17 de Abril, na Suíça, e conta com dois modelos Jaeger-LeCoultre oferecidos ao actor e realizador, entre muitas outras atracções. 



O projecto do arquitecto suíço Philippe Meyle e o investimento superior a 50 milhões de francos suíços (cerca de 41 milhões de euros) deram forma a um espaço museológico, com cerca de 14 hectares, que inclui centro de interpretação e parque temático e está dotado de sofisticadas tecnologias de comunicação interactiva e virtual em 3D. 

Alguns dois objectos que poderão ser admirados são dois modelos da marca relojoeira de luxo, Jaeger-LeCoultre, oferecidos ao criador da personagem Charlot. Quando o actor fixou residência na Suiça, o governo helvético, em sinal de agradecimento, ofereceu-lhe um modelo Memovox, com caixa em ouro e a gravação “Hommage du gouvernement Vaudois à Charlie Chaplin – 6 octobre 1953”. Em 1972, a marca foi novamente escolhida em representação do prémio "Caméra souriante", da Associação de fotógrafos de imprensa suíça, com a oferta de um modelo Atmos, atribuído a Charlie Chaplin pela sua postura gentil com a imprensa.



Charliet Chaplin nasceu a 16 de Abril de 1889, em Londres, e foi um dos mais icónicos actores do cinema mudo. Morreu no dia de Natal, aos 88 anos na Suiça. Uma das suas mais famosas frases ilustra bem a figura cinematográfica que imortalizou : ‘’Não julgue o homem pelos seu trapos, mas sim pelo seu carácter”.






Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura é o único antídoto que existe contra a ausência de amor.


Vamos compartilhar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário