Google+ Followers

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Global Center for Gastronomy and Biodiversity of the Amazon was launched at the exhibition. The fair brings together tradition, culture and innovation from more than 150 countries. --- Centro Global de Gastronomia e Biodiversidade da Amazônia foi lançado na exposição. Feira reúne tradição, cultura e inovação de mais de 150 países. --- 食品和生物多样性亚马逊环球中心是在展览会上推出了。博览会结合了传统,文化和创新的150多个国家。

Charms and tastes from the Amazon come to Expo Milan.


In Italy, the charms and tastes of the Amazon have come to Expo Milan, a fair that brings together tradition, culture and innovation from over 150 countries.

The Brazilian Amazon, famous for its forests, and its deforestation, may soon become an important seat of world cuisine. Its herbs, roots, fruits, nuts, oils and fish are already considered exceptional. But its immense biodiversity is still an illustrious unknown. Because there is still much to discover in that immense territory, new tastes, but also new remedies, because after all herbs have always been used for these two purposes. The Global Center for Gastronomy and Biodiversity of the Amazon was launched this Friday (30) at Expo Milan.


The exotic taste of the Brazilian Extreme North reached the pavilion of Brazil at the Universal Exhibition in Milan, which has already received the visit of 22 million people.

Enthusiasm for the Amazon began in the kitchen, so that the public could later experience a sensory experience.

In August 2016, the next challenge: the implementation of the Gastronomy Center in Belém do Pará, celebrating the 400 years of the city. "The center has to have five components to bring together gastronomy and biodiversity. Therefore a higher school to receive people, students, researchers from all over the world; A laboratory to serve the communities; a restaurant; A food museum; And a cooking boat with technology that will go through the rivers of the entire Amazon Basin with technology in each community, "says Roberto Smeraldi, coordinator of the Global Center for Gastronomy.

The head of the Paulo Martins Institute, created after the death of the famous chef from Pará, hopes to see her local culture become known in the rest of Brazil and in the world.


"It's a very big development possibility, for researching our products, which we do not know and need to know more and to train people prepared to work with this material," says Joana Martins, director of the Institute.

"Let people see the Amazon not only to extract ingredients, but a place of reference to research, to advance, to innovate," says Roberto Smeraldi.








fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti


Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.





--br
Centro Global de Gastronomia e Biodiversidade da Amazônia foi lançado na exposição. Feira reúne tradição, cultura e inovação de mais de 150 países.

Encantos e sabores da Amazônia chegam a Expo Milão.

Na Itália, os encantos e os sabores da Amazônia chegaram a Expo Milão, uma feira que reúne tradição, cultura e inovação de mais de 150 países. 

A Amazônia brasileira, famosa pelas suas matas, e pelos seus desmatamentos, em breve poderá se tornar uma sede importante da gastronomia mundial. As suas ervas, raízes, frutas, nozes, óleos e peixes já são considerados excepcionais. Mas a sua imensa biodiversidade ainda é uma ilustre desconhecida. Porque ainda há muito o que se descobrir naquele imenso território, novos sabores, mas também novos remédios, porque afinal as ervas sempre foram usadas com essas duas finalidades. Foi lançado, nesta sexta-feira (30), na Expo Milão, o Centro Global de Gastronomia e Biodiversidade da Amazônia.

O gosto exótico do Extremo Norte brasileiro chegou ao pavilhão do Brasil na Exposição Universal em Milão, que já recebeu a visita de 22 milhões de pessoas.
O entusiasmo pela Amazônia começou na cozinha, para que o público depois pudesse viver uma experiência sensorial.

Em agosto de 2016, o próximo desafio: a implantação do Centro de Gastronomia em Belém do Pará, comemorando os 400 anos da cidade.  “O centro tem que ter cinco componentes para juntar gastronomia e biodiversidade. Portanto, uma escola superior para receber pessoas, estudantes, pesquisadores do mundo inteiro; um laboratório para atender as comunidades; um restaurante; um museu do alimento; e um barco-cozinha com tecnologia que irá pelos rios da Bacia Amazônica inteira com tecnologia em cada comunidade”, destaca Roberto Smeraldi, coordenador do Centro Global de Gastronomia.

A responsável pelo Instituto Paulo Martins, criado depois da morte do famoso chef paraense, tem muita esperança de ver a sua cultura local tornar-se conhecida no resto do Brasil e no mundo.

"É uma possibilidade de desenvolvimento muito grande, de pesquisa dos nossos produtos, que a gente pouco conhece e precisa conhecer mais e de formar pessoas, preparadas para trabalhar com esse material”, comenta Joana Martins, diretora do Instituto.
“Que as pessoas enxerguem a Amazônia não só para extrair ingredientes, mas um lugar de referência para pesquisar, avançar, para inovar", diz Roberto Smeraldi.





--chines simplificado
食品和生物多样性亚马逊环球中心是在展览会上推出了。博览会结合了传统,文化和创新的150多个国家。

魅力和亚马逊的口味来米兰世博会。

在意大利,魅力和亚马逊的口味达到米兰世博会,贸易展,汇集了传统,文化和创新的150多个国家。
巴西亚马逊河流域,著名的森林,它的空地,可能很快成为世界美食占有重要席位。你的草药,根,水果,坚果,油鱼已被公认为出色。但其巨大的生物多样性,仍是未知显赫。因为还有很大的发现,地域辽阔,新口味,而且新的药物,后因药材一直与这两个目的。发布于周五(30日),在米兰世博会,食品和生物多样性亚马逊全球中心。
巴西最北部的异国味道的世界博览会在米兰,这已被22万人访问达到了巴西馆。
热忱为亚马逊在厨房里开始,让市民可以再活的感官体验。
在2016年八月,下一个挑战:食品中心贝伦的实施,欢庆城400周年。 “该中心必须有五个组成部分收集食物和生物多样性。因此,高中接收人,学生,世界各地的研究人员;一个实验室,以满足社区;餐厅;食品的博物馆;和一个帆船厨房技术,在整个亚马逊流域与技术在每个社区的河流,“罗伯托的Smeraldi,全球粮食中心协调员。
著名厨师帕拉去世后创造了保罗马丁斯研究所的责任,有看到他们的地方文化成为巴西和世界其他地区的知名太大的希望。
“这是非常大的发展的可能性,我们的产品的研究,我们只知道和需要知道更多,训练的人准备用这种材料的工作,”琼娜马丁斯,研究所所长说。

“那人看到亚马逊不仅要提取的成分,但一个地方进行研究,超前,创新的参考,”罗伯托说的Smeraldi。



Nenhum comentário:

Postar um comentário