Google+ Followers

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Museu Histórico de Santa Catarina, Brasil, recebe exposição sobre memória e cultura afro-brasileira em Santa Catarina. --- Historical Museum of Santa Catarina, Brazil, receives an exhibition about memory and Afro-Brazilian culture in Santa Catarina.

A partir do dia 18 de novembro, o Museu Histórico de Santa Catarina recebe a exposição Vozes que Pulsam - Memória e Cultura Afro-brasileira em Santa Catarina, que revela uma das faces de um patrimônio por vezes invisível, focando aspectos e referências culturais afro-brasileiras. A mostra é resultado das atividades do Curso de Capacitação Museu, Memória e Cultura Afro-brasileira, voltado para profissionais que atuam em instituições museológicas, em Pontos de Memória, Pontos de Cultura e, ainda, a pesquisadores e acadêmicos no estado, realizado em parceria entre o Sistema Estadual de Museus (SEM/SC) da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Universidade do Estado de Santa Catarina (NEAB/Udesc), com o apoio do museu.


Essas referências culturais e os patrimônios afro-brasileiros foram inventariados nas sete regiões museológicas do estado e serão apresentados, em forma de imagens, fotos e vídeos no Museu Histórico de Santa Catarina, localizado no Palácio Cruz e Sousa.

Um dos objetivos da exposição é chamar a atenção de outras instituições, municípios e políticas públicas para a necessidade do enfrentamento das desigualdades no tratamento da gestão do patrimônio e da memória, a fim de garantir a valorização da cultura e do patrimônio afro-brasileiro em Santa Catarina, o respeito à diversidade e o fortalecimento de ações e políticas educativas de combate ao racismo e a discriminações.

A pesquisa e a curadoria da exposição foram feitas com a participação dos cursistas e, assim como o projeto gráfico, foram construídas de forma compartilhada. A exposição pretende tornar-se itinerante, para ser levada a instituições de diversas cidades de Santa Catarina.


Oficinas

Durante o período da exposição, serão realizadas oficinas sobre a temática, voltadas para as escolas e público em geral, em parceria com o NEAB e Museu Histórico de Santa Catarina. No dia 24 de novembro, às 14h, é a vez da Oficina de Máscaras Africanas: Modelagem em Argila; já no dia 25 de novembro, às 14h ocorre a Oficina de Abayomi, e às 15h30, a de Turbantes. Interessados devem se inscrever aqui. As vagas são limitadas.

Serviço

O quê: Exposição Vozes que pulsam - Memória e cultura afro-brasileira em Santa Catarina

Abertura: 18 de novembro, às 15h30

Visitação: de 19 a 25 de novembro. De terça a sexta-feira, das 10h às 18h; sábados e domingos, das 10h às 16h.

Onde: Museu Histórico de Santa Catarina - Localizado no Palácio Cruz e Sousa

Praça XV de novembro - Centro - Florianópolis

Entrada gratuita

› FONTE: Assessoria de Comunicação Fundação Catarinense de Cultura










fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

http://www.floripanews.com.br/noticia/12795-museu-historico-de-santa-catarina-recebe-exposicao-sobre-memoria-e-cultura-afro-brasileira-em-santa-catarina

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.

O tempo voa, obras de arte são para a eternidade, sem rugas!






--in via tradutor do google
Historical Museum of Santa Catarina, Brazil, receives an exhibition about memory and Afro-Brazilian culture in Santa Catarina.

As of November 18, the Historical Museum of Santa Catarina hosts the exhibition Vozes Pulsam - Memória e Cultura Afro-brasileira in Santa Catarina, which reveals one of the faces of a sometimes invisible heritage, focusing on Afro- Brazilians. The exhibition is a result of the activities of the Afro-Brazilian Museum, Memory and Culture Training Course, aimed at professionals working in museological institutions, Memory Points, Culture Points and also to researchers and academics in the state, conducted in partnership Between the State Museum System (SEM / SC) of the Catarinense Foundation of Culture (FCC), the Brazilian Institute of Museums (Ibram), the Organization of Ibero-American States (OEI) and the Afro-Brazilian Studies Center of the State University of Santa Catarina (NEAB / Udesc), with the support of the museum.

These cultural references and Afro-Brazilian heritage were inventoried in the seven museological regions of the state and will be presented in the form of images, photos and videos in the Historical Museum of Santa Catarina, located in the Cruz e Sousa Palace.

One of the objectives of the exhibition is to draw the attention of other institutions, municipalities and public policies to the need to address inequalities in the management of heritage and memory, in order to guarantee the appreciation of Afro-Brazilian culture and heritage in Santa Catherine, respect for diversity and the strengthening of educational policies and actions to combat racism and discrimination.

The research and curation of the exhibition were done with the participation of the students and, like the graphic design, were built in a shared way. The exhibition intends to become itinerant, to be taken to institutions of several cities of Santa Catarina.

Offices

During the exhibition period, workshops will be held on the theme, aimed at schools and the general public, in partnership with NEAB and the Historical Museum of Santa Catarina. On November 24, at 2 pm, it is the turn of the African Masks Workshop: Clay Modeling; Already on the 25th of November, at 2pm the Abayomi Workshop takes place, and at 3:30 p.m., the Turbantes. Stakeholders should sign up here. Vacancies are limited.

Service

What: Exhibition Voices that pulse - Memory and Afro-Brazilian culture in Santa Catarina

Opening: November 18, at 3:30 p.m.

Visitation: from 19 to 25 November. From Tuesday to Friday, from 10am to 6pm; Saturdays and Sundays, from 10am to 4pm.

Where: Historical Museum of Santa Catarina - Located in the Palace Cruz e Sousa

November 15th Plaza - Downtown - Florianópolis

Free entrance

> SOURCE: Communication Department Catarinense Foundation of Culture

Nenhum comentário:

Postar um comentário