Google+ Followers

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Siberian artist 'finishes' unfinished painting of Leonardo da Vinci. --- Artista siberiano ‘finaliza’ pintura inacabada de Leonardo da Vinci.

'The Adoration of the Magi' was interrupted by the Renaissance to leave for Milan. According to Russian, the purpose of the new version is to develop idea initiated by the Renaissance.


The artist Konstantin Dverin of Novokuznetsk (3,800 km east of Moscow), presented this week his work "Dedication to Leonardo da Vinci", in an attempt to complete the painting "The Adoration of the Magi", which the genius of the Renaissance began in 1481 and is now kept in the Gallery of Crafts in Florence.

The information was released by the Art Museum of Novokuznetsk, where the painting will be exposed until November 24.

According to the Novokuznetsk artist, his version of the work was preceded by a long preliminary work in which he studied the life and work of Da Vinci and carefully analyzed the artistic techniques of the Italian.

"Clearly, this is a brilliant idea of ​​genius, but I thought: did someone try rather than complete, develop and continue the idea?" Dverin told reporters before the opening of the exhibition.

"For 540 years no one tried to say anything on this subject and then I thought: What keeps me from doing this? Basically, nothing, except, of course, the greatness of this name. I have a certain audacity and courage, and so I tried to do it. I worked for four months, and the result is in front of you, "he continued.

Dverin's canvas presents some additions to the original: the reflection of the star of Bethlehem right in front of Mary, and the figures of Raphael, Michelangelo, Botticelli and Da Vinci, considerably aged in the foreground.

Following the tradition of Renaissance artists portraying himself and people from his circle, the artist of Novokuznetsk also inserted images of friends and acquaintances among the characters present in the work.









fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti

Cultura e conhecimento são ingredientes essenciais para a sociedade.

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.


O tempo voa, obras de arte são para a eternidade, sem rugas!

















--br
Artista siberiano ‘finaliza’ pintura inacabada de Leonardo da Vinci.

‘A Adoração dos Magos’ foi interrompida ao renascentista partir para Milão. Segundo russo, objetivo de nova versão é desenvolver ideia iniciada pelo renascentista.

O artista Konstantin Dverin, de Novokuznetsk (a 3.800 km a leste de Moscou), apresentou esta semana sua obra “Dedicatória a Leonardo da Vinci”, na tentativa de concluir a pintura “A Adoração dos Magos”, que o gênio do Renascimento iniciou em 1481 e agora é mantida no Galeria dos Ofícios, em Florença.

A informação foi divulgada pelo Museu de Arte de Novokuznetsk, onde o quadro ficará exposto até 24 de novembro.

Segundo o artista de Novokuznetsk, sua versão da obra foi precedida por um longo trabalho preliminar no qual estudou a vida e a obra de Da Vinci e cuidadosamente analisou as técnicas artísticas do italiano.

“Claramente, esta é uma ideia brilhante do gênio, mas eu pensei: alguém tentou, em vez de completar, desenvolver e continuar a ideia?”, disse Dverin a repórteres antes da abertura da exposição.

“Durante 540 anos ninguém tentou dizer nada sobre este assunto e então eu pensei: O que me impede de fazer isso? Basicamente, nada, exceto, é claro, a grandeza deste nome. Tenho certa audácia e coragem, e, por isso, tentei fazê-lo. Trabalhei por quatro meses, e o resultado está na frente de vocês”, continuou.

A tela de Dverin apresenta algumas adições ao original: o reflexo da estrela de Belém bem à frente de Maria, e as figuras de Rafael, Michelangelo, Botticelli e Da Vinci, consideravelmente envelhecido, em primeiro plano.

Seguindo a tradição dos artistas da Renascença de retratar si mesmo e pessoas de seu círculo, o artista de Novokuznetsk também inseriu imagens de amigos e conhecidos entre os personagens presentes na obra.


Nenhum comentário:

Postar um comentário