Google+ Followers

sábado, 25 de março de 2017

Artist:Kamil Aslanger, 12th century. Window handles, 16th century - Ceramic Bottle Murassa x 120 Oil Painting --- Artista: Kamil Aslanger. 12º século. Asas de janela.m 9 16th century, Murassa Ceramic Bottle x 120 oil painting

1949 Istanbul born, Kamil Aslanger, started painting at 1960 under the supervision of his art teachers in military school, where his traditional techniques evolved. The traditional teachings of military painters such as; diligence, patience, careful work, and realistic compositions influenced by detail, are some of the techniques that Aslanger still uses today in his studio in Istanbul. Like the works of Naqqash, or a musavvir, the soul of the world in that depicted in his paintings.



 12th century. Window handles


16th century - Ceramic Bottle Murassa x 120 Oil Painting


In 1989, Aslanger’s reminiscent art has been inspired by the lost beauty of Istanbul’s landscapes. Using the orientalists basic painting techniques, supported by comprehensive reliable research, help Aslanger stimulate his imagination to depict the clothing, jewelry, and the surroundings of the historical scene. He ignites his imagination by examining museums, antique dealers, auctions, and relevant publications of the period, where he re-creates the models and exhibits them live before starting to paint. Contrary to the Western point of view, for the first time in the five hundred year history of the social life that may be subject to thousand paintings of missing values, culture, and art we can uncover the mystical lives through the eyes of Ottoman customs and traditions.



Adding to Western orientalist artists, Aslanger brings a new flavor and color, not only in their bitter or sweet social lives, but in hand-crafts, that captivate the eye-straining work that is reflected in the fine taste of our ancestors to our aboriginal items, clothes and places by our masters and artisans who made an effort of keeping their memories.





fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti


Cultura não é o que entra pelos olhos e ouvidos,

mas o que modifica o jeito de olhar e ouvir. 

A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.

Culture is not what enters the eyes and ears, 

but what modifies the way of looking and hearing.












--br via tradutor do google

Artista: Kamil Aslanger


1949 Nascido em Istambul, Kamil Aslanger, começou a pintar em 1960 sob a supervisão de seus professores de arte na escola militar, onde suas técnicas tradicionais evoluíram. Os ensinamentos tradicionais de pintores militares como; Diligência, paciência, trabalho cuidadoso e composições realistas influenciadas pelo detalhe, são algumas das técnicas que Aslanger ainda usa hoje em seu estúdio em Istambul. Como as obras de Naqqash, ou um musavvir, a alma do mundo em que retratado em suas pinturas.

          Em 1989, a arte reminiscente de Aslanger foi inspirada pela beleza perdida das paisagens de Istambul. Usando as técnicas básicas de pintura orientalistas, apoiadas por uma pesquisa abrangente e confiável, ajude a Aslanger a estimular sua imaginação para retratar as roupas, jóias e os arredores da cena histórica. Inflama sua imaginação examinando museus, antiquários, leilões, e publicações relevantes do período, onde recria os modelos e os exibe vivos antes de começar pintar. Ao contrário do ponto de vista ocidental, pela primeira vez na história dos quinhentos anos da vida social que pode estar sujeita a milhares de pinturas de valores, cultura e arte em falta, podemos descobrir as vidas místicas através dos olhos dos costumes otomanos e Tradições.

          Adicionando aos artistas orientalistas ocidentais, Aslanger traz um novo sabor e cor, não só na sua amarga ou doce vida social, mas na mão-artesanato, que cativar o olho-esforço trabalho que se reflete no bom gosto de nossos antepassados ​​para o nosso aborígene Itens, roupas e lugares por nossos mestres e artesãos que fizeram um esforço de manter suas memórias.


Nenhum comentário:

Postar um comentário