Google+ Followers

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Prado Museum displays recently discovered portrait of Velázquez. --- Museu do Prado exibe retrato de Velázquez descoberto recentemente.

The Prado Museum in Madrid presented on Monday a portrait of King Felipe III, recently attributed to the Spanish painter Diego Velázquez and discovered by an American collector, who donated the work.

"Portrait of the Infanta Margarita" by Diego de Velázquez, 
at the Prado National Museum in Madrid, October 4, 2014 - AFP / Archives


"I am very happy and very proud that my painting can be here in Madrid," said the collector, William B. Jordan, a specialist in Spanish painting.

The painting is a portrait of Philip III of Spain, who reigned from 1598 to 1621. It will be exhibited from Tuesday, along with other works, until 29 October.

According to the Madrid institution, the portrait, dated in 1627, was a study for another painting by Velázquez, "La expulsión de los moriscos", destroyed by a fire in the year 1734, before the construction of the Prado building.

The temporary exhibition includes pictures related to the portrait, one of Titian, in which Felipe III appears a child, and others who had been inspired by the Spanish painter to make his portrait.

Last December, William B. Jordan donated the portrait of Philip III to the institution "American Friends of the Prado Museum", which in turn transferred him to the Prado, to be displayed in his permanent collection.

The American collector discovered the painting in 1988 with the name of "Retrato de un hombre" at an auction in London. At the time the painting was attributed to another painter.

After its restoration and study, William B. Jordan formulated the hypothesis that it could be of the master of Seville. The Prado confirmed the theory after analyzing the picture and comparing it with other Velázquez works.

Currently, there are 120 paintings by Diego Velázquez (1599-1660), most of them in the Prado Museum. Among them, the famous "Girls".





fonte: @edisonmariotti #edisonmariotti



Cultura não é o que entra pelos olhos e ouvidos,
mas o que modifica o jeito de olhar e ouvir. 
A cultura e o amor devem estar juntos.

Vamos compartilhar.

Culture is not what enters the eyes and ears, 
but what modifies the way of looking and hearing.





--br
Museu do Prado exibe retrato de Velázquez descoberto recentemente.

imagem:
Quadro "Retrato de la Infanta Margarita" de Diego de Velázquez, no Museu Nacional do Prado, em Madri, em 4 de outubro de 2014 - AFP/Arquivos

O Museu do Prado de Madri apresentou nesta segunda-feira um retrato do rei Felipe III, recentemente atribuído ao pintor espanhol Diego Velázquez e descoberto por um colecionador americano, que fez a doação da obra.

“Estou muito contente e muito orgulhoso de que meu quadro possa ficar aqui em Madri”, declarou na apresentação o colecionador, William B. Jordan, um especialista da pintura espanhola.

O quadro é um retrato de Felipe III da Espanha, que reinou de 1598 a 1621. Será exposto a partir de terça-feira, junto com outras obras, até 29 de outubro.

Segundo a instituição madrilenha, o retrato, datado em 1627, era um estudo para outro quadro de Velázquez, “La expulsión de los moriscos”, destruído por um incêndio no ano de 1734, antes da construção do edifício do Prado.

A exposição temporária inclui quadros relacionados ao retrato, um deles de Ticiano, em que Felipe III aparece criança, e outros que haviam se inspirado no pintor espanhol para fazer o seu retrato.

Em dezembro passado, William B. Jordan doou o retrato de Felipe III à instituição “American Friends of the Prado Museum”, que, por sua vez, o transferiu ao Prado, para que seja exposto em sua coleção permanente.

O colecionador norte-americano descobriu o quadro em 1988 com o nome de “Retrato de un hombre”, em um leilão em Londres. Na época a pintura era atribuída a outro pintor.

Após sua restauração e estudo, William B. Jordan formulou a hipótese de que pudesse ser do mestre de Sevilha. O Prado confirmou a teoria depois de analisar o quadro e compará-lo com outras obras de Velázquez.

Atualmente, restam 120 quadros de Diego Velázquez (1599-1660), a maioria no Museu do Prado. Entre eles, as famosas “Meninas”.





Nenhum comentário:

Postar um comentário